Wednesday, May 10, 2017

AMARELOS MELANCÓLICOS




Às vezes
a vida tem gosto de ayahuasca
às vezes, cachaça

a substância é a mesma
alucinação e ressaca

o corpo só quer esquecer do corpo
abandonar essa casa 
de aconchegante tédio
de amarelos melancólicos 
pelos cantos

e ser o canto suave
de alguma ave
feliz por ser nômade

(enquanto um gato
observa do muro da realidade
o seu voo sobre os andes
do seu infinito)

alcoólico o olhar neruda uma canção
que molha o silêncio montanhoso
eis a trilha (sonora)
do coração que bate fora do corpo.

.
(Rai Blue)


* Imagem: Rafal Olbinski.

No comments: