Saturday, November 19, 2016

UMA SINTAXE DELA




Gostava de andar armada
no bolso guardava
sempre um poema
pra sua vida sem rima

sem remo vivia
beijada pelo verso todo dia
na boca
no ventre
na ventania de sua língua

era o avesso de um verso comportado
beat
poeta
ela era 
à margem das regras
uma sintaxe dela

amava sem etiquetas
gostava de amor de mercado livre
de feira
becos
e breguices

era uma música de Rossi
de Ana C. um Blue kiss
e a *ausência desencorporada de Emily
em cada versículo da liturgia de sua carne.
.
(RaiBlue)

.

* Pintura : Bruce Holwerda.
* Título de um poema de Emily Dickinson.

No comments: